Solicite uma Proposta
Por favor preencha o campo.
Por favor preencha o campo ou verifique o endereço digitado.
Por favor preencha o campo com apenas números.
Por favor preencha o campo.

TECIDOS E MANTAS FILTRANTES

FILTRAÇÃO INDUSTRIAL

Na indústria metalúrgica são utilizados líquidos com a função de lubrificar e/ou refrigerar a ferramenta e a peça usinada. Além destes objetivos, estes líquidos têm a função de transportar as partículas para fora da área de atuação da ferramenta fazendo a lavagem dessa região. Diferentes líquidos lubri-refrigerantes são utilizados para os diversos tipos de metais e operações de usinagens, como:

  • Emulsões de óleos minerais;
  • Soluções de óleos sintéticos;
  • Semi-sintético;
  • Óleos integrais;
  • Querosene.

Diferentes processos de filtragem requerem diferentes elementos filtrantes. Os elementos filtrantes por sua vez, devem ter algumas propriedades básicas. De acordo com as suas características, serão determinadas suas possibilidades de utilização para atender às exigências de qualidade do líquido filtrado. A estrutura do material filtrante poderá ser mais densa, no caso de retenção de partículas menores e menos densas, no caso de retenção de partículas maiores, ou quando o equipamento operar com menor pressão de trabalho, como nos filtros à gravidade.

Quando em uso, um elemento filtrante deve proporcionar a formação de uma camada de resíduos em sua superfície, no menor espaço de tempo possível, evitando, porém sua rápida saturação que significaria alto consumo de material filtrante.

SISTEMAS DE FILTRAGEM
Filtragem à vácuo:

É o processo que ocorre pela sucção de uma bomba centrífuga instalada na câmara de vácuo, onde um tecido filtrante retém as partículas do líquido refrigerante oriundo dos processos de usinagem e lavagem. Aplicado em processos de retificação, brunimento, super-finish, laminação, etc.

Filtragem por gravidade:

Tem por finalidade eliminar as impurezas e resíduos de usinagem prolongando a vida útil das ferramentas e/ou rebolos das máquinas operatrizes.

Filtragem a pressão:

É um dos mais eficientes , principalmente quanto ao aproveitamento do fluido de corte, pois uma de suas características é a de que os resíduos, quando expelidos, saem praticamente secos, em forma de uma torta bastante densa atingindo até 10 cm de espessura. O funcionamento do filtro é determinado pela passagem forçada do fluido de corte através do elemento filtrante descartável, colocando como pré-filtro sobre a tela sintética. O elemento filtrante e a tela têm a função de iniciar a formação da torta de resíduos. Vale ressaltar que a utilização do elemento filtrante descartável é de vital importância na proteção da tela sintética e, principalmente, na qualidade da filtração, onde o acabamento exige baixa rugosidade nas peças usinadas.

IMPORTÂNCIA DA FILTRAGEM

Importância da Filtragem
O processo de filtração é muito importante para a vida útil de ferramentas, dos lubrificantes utilizados e no acabamento dos produtos no processo fabril. O dimensionamento e desenvolvimento correto do meio filtrante utilizado é muito importante, pois influencia diretamente na qualidade do produto. No processo de filtração industrial são utilizados líquidos com a função de lubrificar e refrigerar a ferramenta e a peça usinada. Além destes objetivos esses líquidos têm a função de transportar as partículas para fora da área de atuação da ferramenta fazendo a lavagem dessa região. Diferentes líquidos lubri-refrigerantes são utilizados para os diversos tipos de metais e operações de usinagens, como:

  • Emulsões de óleos minerais;
  • Soluções de óleos sintéticos;
  • Semi-sintético;
  • Óleos integrais;
  • Querosene.

Toda emulsão utilizada nos processos de usinagem são, de alguma forma, beneficiadas para sua reutilização, esse processo se dá em sua grande maioria através das centrais de filtração, que são elas:

  • Por Gravidade;
  • Pressão;
  • À Vácuo.

Para cada operação e volume de líquido a ser beneficiado é feito um dimensionamento específico das centrais de filtração e de seu elemento filtrante. Para o correto dimensionamento do elemento filtrante devem ser levadas em consideração algumas variáveis como vazão, material a ser usinado, tipos de operações, etc. A Interfiltros é pioneira no desenvolvimento específico de elementos filtrantes para centrais de filtração, pois não se limita a apenas fornecer a mídia filtrante e sim agir com consultores que estão diretamente ligados às atividades industriais do cliente, analisando a real necessidade do processo. Por isso conta com uma equipe qualificada em campo, dando todas as coordenadas para que o cliente esteja satisfeito com o trabalho de qualidade prestado aliado com o custo acessível oferecido por nossa empresa.

FILTROS DE PAPEL
Filtros de Papel - FIT-80
Características Físico-Químicas

Produtos elaborados a partir de fibras vegetais, tratadas por processo semi-químico (fibras curtas), isento de asbestos, brometos, iodetos e sais de mercúrio. Perfil de gramatura uniforme com micro distribuição de fibras, permitindo uma filtração homogênea.

Filtros de Papel - Fit-250
Características Físico-Químicas

Produtos elaborados a partir de fibras vegetais, tratadas por processo semi-químico (fibras curtas), isento de asbestos, brometos, iodetos e sais de mercúrio. Perfil de gramatura uniforme com micro distribuição de fibras, permitindo uma filtração homogênea.

Filtros de Papel - Fit-110
Características Físico-Químicas

Produtos elaborados a partir de fibras vegetais, tratadas por processo semi-químico (fibras curtas), isento de asbestos, brometos, iodetos e sais de mercúrio. Perfil de gramatura uniforme com micro distribuição de fibras, permitindo uma filtração homogênea.

Filtros de Papel - Fit-480 refazer
Características Físico-Químicas

Produtos elaborados a partir de fibras vegetais, tratadas por processo semi-químico (fibras curtas), isento de asbestos, brometos, iodetos e sais de mercúrio. Perfil de gramatura uniforme com micro distribuição de fibras, permitindo uma filtração homogênea.

Aplicabilidade: Industrial - óleos vegetais, bebidas, vinhos, refrigerantes, álcool, sucos, melaço. Óleos combustíveis, lubrificantes, querosene, diesel, transformadores, hidráulicos, aditivantes, banhos de foto revelação, galvanoplastia e detergentes.

Farmacêuticas e Cosméticos - azeites diversos, essências, produtos viscosos, álcool e perfumes. Laboratórios físicos, químicos e de pesquisas: filtrações de análise qualitativas.

Filtros de Papel - Fit-170
Características Físico-Químicas

Produtos elaborados a partir de fibras vegetais, tratadas por processo semi-químico (fibras curtas), isento de asbestos, brometos, iodetos e sais de mercúrio. Perfil de gramatura uniforme com micro distribuição de fibras, permitindo uma filtração homogênea.

Filtros de Papel - Fit-650
Características Físico-Químicas

Produtos elaborados a partir de fibras vegetais, tratadas por processo semi-químico (fibras curtas), isento de asbestos, brometos, iodetos e sais de mercúrio. Perfil de gramatura uniforme com micro distribuição de fibras, permitindo uma filtração homogênea.

PLACAS CLARIFICANTES
FORMATOS PADRONIZADOS